às 18:19:00

Talk Show sobre os 30 anos do SUS marca a Semana Acadêmica do curso de Enfermagem no UNIPTAN.

Evento abrodou os desafios e perspectivas do SUS no Brasil.

Semana Acadêmica de Enfermagem do UNIPTAN

Aconteceu no dia 27 de maio, no anfiteatro do UNIPTAN, um talk Show organizado pela coordenação do curso de Enfermagem para marcar o dia do Enfermeiro, que abordou os desafios e perspectivas do SUS no Brasil.

O evento foi organizado pela coordenação do curso juntamente com os alunos de todos os períodos do curso de Enfermagem.

 Foram convidados 4 profissionais que atuam nas áreas de ensino, pesquisa e assistência no Sistema único de saúde, sendo eles: Rosa Gouvêa de Sousa (Médica, Professora nos cursos de medicina no UNIPTAN e na UFSJ, coordenadora da comissão de residência médica da UFSJ), Doutor Luíz Paulo Souza e Souza (Enfermeiro, Professor no departamento de medicina da UFSJ e professor da escola de pós-graduação de saúde pública do estado de Minas Gerais) Priscila Emanuelle Peixoto (Enfermeira da superintendência da Secretaria Municipal de saúde de São João del-Rei e preceptora no SUS pelo Hospital Sirio Libanês), Gustavo Campos Carvalho (Enfermeiro assistencial do SAMU, Instrutor do núcleo permanente do SAMU macro centro sul, docente nos cursos de medicina e odontologia do UNIPTAN, Instrutor da SOMITI, sócio proprietário da empresa Olympio Educação em saúde).

Foram apresentados dados do SUS no Brasil, na região e em São João del-Rei.

Os temas discutidos durante o evento foram: a visão do SUS, programa mais médicos, atuação do enfermeiro frente ao SUS, uso do eletrochoque em pacientes psiquiátricos, tratamento comunitário, acessibilidade, princípios do SUS, referência e contra referência, macro e microrregião, CISVER, humaniza SUS, atuação do SAMU, inovações em saúde e financiamento do SUS.

A coordenadora do curso, professora  Marcela Nolasco, salientou a importância de se debater os desafios e perspectivas do Sistema Único de Saúde do Brasil. "Entre avanços indiscutíveis obtidos a partir da Constituição de 1988, a criação do SUS trouxe maior impacto positivo à vida dos brasileiros, mesmo com muitos e conhecidos problemas. O SUS é um dos maiores e mais complexos sistemas de saúde pública do mundo. Anterior a esse modelo de atenção à saúde, somente as pessoas mais abastadas e trabalhadores que contribuíam com o Instituto Nacional de Previdência Social tinham acesso aos serviços de saúde.

A coordenadora ressaltou ainda a importância do enfermeiro inserido no SUS. " Com o SUS, inaugurou-se no país uma nova ordem no âmbito da saúde pública, baseada nos princípios da universalidade e da igualdade e com uma organização descentralizada, pautada no atendimento integral e gratuito e na participação da popular. A partir deste novo modelo, o enfermeiro passou a ter mais visibilidade no mercado de trabalho, pois se tornou o gerente nas equipes de Estratégia de Saúde da Família. Hoje, o enfermeiro que atua na saúde pública fica mais próximo dos cidadãos atendidos, possibilitando mais ganho no tratamento devido a empatia entre ambos.

O evento foi transmitido ao vivo, na fanpage do curso de Enfermagem do UNIPTAN através de sua página no facebook.


Fonte: